MUDANÇAS

DEVIDO A UM GRAVE PROBLEMA NO TEMPLATE DO BLOG ROCK N ROLL POST, TRAGO MAIS UM BLOG DO TIPO PARA CONTINUAR A LUTA PELO FORTALECIMENTO DO ROCK
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=C1HKS4Fkykc[/youtube]

                                                                     BIOGRÁFIA
Formados em 1994, ganharam parte da pequena popularidade em 2000 quando editaram o álbum Inches From the Mailine, pela já desaparecida gravadora de Ozzy Osbourne Divine Records. A banda fez a turnê Ozzfest em 2000, e ainda apareceu na digressão SnoCore. Sem divulgação nas rádios e na televisão, o álbum conseguiu mesmo assim vender aproximadamente 70 mil cópias nos Estados Unidos. Depois da Divine Records, perderam o negócio com a Priority Records (EMI) e ficaram sem editora. Depois de uma grande procura assinaram pela Bieler Bros. Records/MCA Records. O segundo foi lançado em 2003 e já não era o mesmo estilo, nu metal, e sim metal alternativo.

Em Março de 2004, a banda anunciou que estava saindo de cena, devida à saída do vocalista, Jason Rockman. O baixista, Frank Salvaggio, e o baterista, Rob Urbani, fazem agora parte da banda Anew Revolution, juntamente com ex-vocalista dos Unloco, Joey Duenas. Kevin Jardine tornou-se produtor em Montreal.


fonte: last fm
7
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=NfglcPPaLJk[/youtube]

                                                                     BIOGRÁFIA

Deicide é uma banda de Death Metal dos Estados Unidos, formada em 1987, Tampa, Flórida. A banda inicialmente chamava-se Carnage. Quando Glen Benton uniu-se a banda, o nome mudou para Amon. Durante o tempo em que tocaram com este nome, eles lançaram duas demos: Feasting the Beast (1987) e Sacrificial (1989).

Em 1989 adotaram o nome definitivo devido a pressões da Roadrunner Records, pois Amon era o nome de uma casa citada no album “Them” da banda King Diamond.

O grupo era originalmente formado por Glen Benton (vocal e baixo), Eric Hoffman (guitarra), Brian Hoffman (guitarra) e Steve Ashein (bateria). Esta formação permaneceu intacta até 25 de Novembro de 2004, quando Glen Benton divulgou oficialmente que os irmãos Hoffman não mais fariam parte da banda devido ao fato de eles terem por diversas vezes cancelado e debandado shows por questões pessoais.

Em Junho de 1990, foi lançado o primeiro álbum da banda pela Roadrunner Records, também intitulado “Deicide”, marcando o surgimento da banda com a melhor impressão possível. Em 1992 foi lançado o segundo álbum, chamado “Legion”, considerado pelos críticos de música um dos álbuns mais satânicos da história. Três anos mais tarde, era lançado “Once Upon the Cross”, repleto de imagens fortes, a começar pela capa e mantendo as características anteriores. Em 1997 a banda lançou o excelente “Serpents of the Light”, assim como os álbuns anteriores, produzido por Scott Burns, mostrando a preocupação da banda em manter sua sonoridade característica.

Em 1998, mais de dez anos após a formação da banda, finalmente é lançado um primeiro registro oficial ao vivo, “When Satan Lives”.

Após um longo período sem gravações inéditas, finalmente, em 2000, sai “Insinerathehymn”,em 2001, “In Torment In Hell”.Em 2004 a banda lança “Scars Of The Crucifix”,e em 2006 “The Stench Of Redemption”.
fonte: last fm
1
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=YdqPAoug07U[/youtube]
maior sucesso -
estilo - DOOM/BLACK METAL
ínicio - 1995
formação
Philipp Jonas (aka S.Golden) : Vocais, Guitarra, Teclas
Jörg Heemann (aka T. Thelemnar) : Bateria
K.S.A : Guitarra
LSK : Baixo
3
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=TtROQNnHkn4[/youtube]
maior sucesso -
estilo - GOTHIC METAL
ínicio - 2008
formação
Emanuele Rossi : Guitarra
Edoardo Giordani : Bateria
Rudy Coda Bertetto : Vocais Secundários, Teclas
Monica Primo : Vocais
Marco Peraldo : Baixo
0
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=6eu_PVAeKEM[/youtube]

                                                                       BIOGRÁFIA

Quando a banda lançou seu álbum debut em 1994, Greater Art, não havia nenhuma indicação do potencial verdadeiro da banda. Se seu primeiro lançamento veio coberto de críticas não muito promissoras, seu segundo álbum, lançado um ano mais tarde, intitulado Headstones foi muito bem recebido pela crítica, colocando a banda em um novo patamar. Mas foi com o lançamento seguinte, A Crimson Cosmos (1997), que a banda começou realmente a ser notada na cena. O álbum recebeu excelentes críticas, e sua vendagem foi bem superior a dos álbuns anteriores. Tal fato chamou a atenção dos membros da banda Therion, que os convidou para serem banda de abertura de sua próxima turnê. Esta turnê ajudou o Lake of Tears a ficar mais conhecido fora de seu país natal, a Suécia.

Em 1999 é lançado Forever Autumn. Neste momento a banda já tinha uma formação bem definida contando com Daniel Brennare (guitarrista, vocalista e líder da banda), com o baixista Mikael Larsson e com o baterista Johan Oudhuis. O álbum contou com o reforço de vários guitarristas convidados (fato que viria a se repetir em alguns lançamentos seguintes). Entretanto, Forever Autumn não alcançou o sucesso do seu predecessor, e sua gravadora, Black Mark resolveu não renovar o contrato. Ainda assim, para honrar seu compromisso com o selo, tiveram que gravar um outro álbum, intitulado The Neonai e lançado em 2002. O álbum também recebeu excelentes críticas, e embora tivera sido lançado apenas para o cumprimento de um contrato, a banda provou que ainda tinha excelentes idéias, mas por força maior a banda resolve dar um tempo.

No verão de 2003, durante uma sessão musical, o ainda líder da banda Daniel Brennare, e seus dois companheiros Mikael Larsson (baixo) e Johan Oudhuis (bateria) resolveram que continuariam com a banda. Depois do desapontamento com sua antiga gravadora, verificaram com cuidado todas as opções disponíveis, a fim de evitar outra parada na banda por força de um contrato.

O Lake of Tears fechou um novo contrato com a gravadora Noise Records, pensando que este selo seria o ideal no momento, oferecendo todo o suporte necessário para que o novo álbum fosse promovido adequadamente. Com o apoio da nova gravadora, e nove excelentes faixas, a banda se reuniu no estúdio Mega, na Suécia, onde bandas como The Crown, Bessech e Soundtrack Of Our Lives haviam gravado recentemente, e obtido excelentes resultados. Ouvindo o novo álbum pela primeira vez, o ouvinte realiza imediatamente que o Lake of Tears obteve um retorno excelente com o aclamado Black Brick Road.
fonte: last fm
0
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Xx-s72KxnWw[/youtube]

                                                                   BIOGRÁFIA

Mustasch foi formada em 1998 na ilha de Orust, Suécia, onde eles gravaram uma fita demo que foi lançada em edição limitada por pequenas gravadoras ao redor do mundo. Em fevereiro de 2001 eles lançaram seu primeiro EP, “The True Sound Of The New West”. Depois disso, eles estabeleceram seu nome na cena do metal. Em 2002 eles lançaram seu primeiro álbum, que foi nomeado para um Grammy. Em 2003 eles lançaram seu segundo álbum, Ratsafari, este foi também nomeado para um Grammy. O título foi criado como um trocadilho com as palavras suecas ”rätt-så-farlig”(em português “direito tão perigoso”). A banda é formada pelo vocalista Ralf Gyllenhammar, pelo guitarrista Hansson Hannes , pelo baterista Mats Hansson e com Mats Johansson no baixo.

fonte: last fm
3
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=UYVBvMXbjVM[/youtube]

                                                                  BIOGRÁFIA

Papa Roach é uma banda americana de formada em Vacaville em 1993. Deslancharam ao sucesso com seu álbum de estreia Infest, lançado em 2000 na qual ganhou três vezes disco de platina.

Na pequena cidade de Vacaville, noroeste da Califórnia, quatro colegas de ensino secundário, Jerry Horton, Dave Buckner, Jacoby Shaddix e Will James decidiram montar uma banda. O nome surgiu a partir de um trocadilho com baratas e guimbas de maconha. Suas maiores influências eram as bandas Faith No More e Primus, um som que misturava Hip-Hop, Groove-Funk e Hardcore.

Depois de alguns anos tocando em bares, pizzarias e pequenas festas, conquistaram fãs pela região, e então começaram com alguns concertos em Sacramento, San José e Berkeley, e logo estavam abrindo concertos do Deftones.

No verão de 1996 tomaram algumas atitudes para subir mais um degrau na carreira. A primeira delas foi trocar o baixista Will James por Tobin Esperance, que tinha 16 anos e era roadie da banda desde os 13. A segunda, contratar um empresário, Bret Blair. Depois disso, juntaram 700 dólares e entraram em estúdio para gravar o primeiro LP, Old Friends From Young Years, servindo de suporte para várias apresentações pelos Estados Unidos.

Em 1998 lançaram o EP 5 Tracks Deep, mas sua estreia numa grande gravadora foi com o álbum Infest, pela Universal Records.

Em 2001, participou do Rock In Rio 3, no mesmo dia das consagradas bandas Guns N’ Roses e Oasis.

Em 2002 foi lançado LoveHateTragedy, que teve como singles She Loves Me Not e Time and Time Again. O álbum não alcançou o sucesso desejado, alcançando apenas o disco de ouro, enquanto seu antecessor conseguiu platina tripla. Mesmo assim os singles fizeram muito sucesso.

Em 2004 saiu Getting Away With Murder, um álbum não muito bem recebido pela crítica e fãs. O primeiro single foi a faixa título, considerada por muitos a melhor do álbum, e o segundo foi Scars, uma balada. Essa nova obra ditou o que seria o novo estilo Papa Roach, mais voltado ao Rock N’ Roll, como evidenciado por faixas como Be Free. Além dos dois singles foi lançada uma versão ao vivo de Take Me.

Em 2005 foi lançado o primeiro álbum ao vivo, Live & Murderous In Chicago, foi uma verdadeira figura dos concertos do Papa Roach. Além das 19 músicas gravadas ao vivo, há também todos os videoclipes da banda.

Em 2006 é lançado The Paramour Sessions, álbum que mostra de vez o novo estilo, cujo primeiro single foi …To Be Loved.

Em 2009, lançam Metamorphosis. Teve como singles Hollywood Whore, Lifeline e I Almost Told You That I Loved You.

Atualmente divulgam seu sétimo e primeiro álbum ao vivo intitulado Time for Annihilation tendo Burn e Kick In The Teeth como singles.                

fonte: last fm


3